Post Top Ad

Os 7 Lanches que equivalem a uma refeição: nº 4 Beirute no Chapati

Para você que está chegando agora, o Beirute no Chapati é o nº 4 da Série "Os 7 Lanches que equivalem a uma refeição".
Revista Neoo
São Lanches criativos, com receitas de simples execução e com muitos nutrientes para você tranquilamente substituir a tradicional refeição do dia a dia.

Confira os Lanches anteriores:

E incluindo um bônus extra no Lanche de hoje, além de mencionar o passo a passo para sua montagem e seus melhores ingredientes é claro, nós também ensinaremos a receita do exótico Chapati, um tipo de Pão Indiano e um parente mais rústico do tradicional Pão Sírio.
Revista Neoo
Esse é um Pão que não leva fermento, é muito fácil de se fazer e leva pouquíssimos ingredientes. Por isso, ele é sempre uma boa pedida (e uma ótima alternativa) para quando você tiver poucos alimentos em sua casa. O famoso se vira nos 30!

Para você ter uma ideia, os únicos ingredientes que vão no Chapati são a Farinha de Trigo (que aqui você poderá inovar utilizando outros tipos de Farinhas), Açúcar, Sal, Água Morna e Manteiga (que também pode ser facilmente substituída por Azeite ou Óleo).

Segue uma medida bem bacana pra você praticar o seu Chapati em casa:
300gr de Farinha de Trigo
2 Colheres (de sopa) de Manteiga ou 1 Colher de Azeite/Óleo
1 Colher (de sopa) rasa de Açúcar
1 Colher (de chá) de Sal
Água Morna

Em uma Tigela misture os ingredientes secos, um fio de Água Morna e mexa com as mãos fazendo dessa mistura uma pequena farofa. Em seguida adicione a Manteiga e mexa novamente.
Beirute no Chapati
Novamente adicione um pouco mais de Água Morna para dar a liga na massa. Aqui não iremos passar uma medida exata, pois a ideia é que você vá acrescentando bem aos poucos e mexendo a massa sempre com as mãos. Quando chegar o ponto em que a massa começa a desgrudar das mãos, é o "time" exato.
Revista Neoo
Por isso, uma dica é que vá sentindo a sua massa neste processo, fazendo deste movimento uma dança, onde você e o alimento se fundem até a melodia final... Que nesse caso, é o ponto de uma massa macia, compacta e ao mesmo tempo, leve de se trabalhar.
Beirute no Chapati
Após sovar bem a massa, deixe-a em um recipiente com um Pano em cima para descansar por uns 15 minutos... Isso é apenas para ela dar uma assentada enquanto prepara a bancada ou a mesa para abrir a massa.
Beirute no Chapati
Bancada pronta, com um pouco de Farinha retire a massa pois é hora de abri-la!
Revista Neoo
Faça uma cobrinha com ela e corte em tamanhos iguais, mas lembre-se que o tamanho deles é que irão definir o tamanho do disco do seu Chapati.
Revista Neoo
Destes pedaços, faça bolinhas e com o auxílio de um Rolo, abra a massa deixando-a bem fininha.
Revista Neoo
Leve esse disco feito para uma chapa ou frigideira (sem nenhum tipo de óleo ou gordura) e toste um pouco de um lado. Quando começar a abir pequenas bolhas, vire e faça o mesmo processo.

Nesse momento a massa vai começar a inflar e será hora de retirar para não queimar. Mas deixe um pouquinho tostado pois esse será seu charme.
Revista Neoo
O Chapati fica quase como uma Folha, sendo muito leve ao saborear e perfeito para substituirmos o Pão Sírio neste Lanche. E para dar aquele toque final, ao sair da frigideira experimente passar rapidamente o Chapati sobre a chama do fogão ou maçarico... Ele irá inflar ainda mais e trará um tostatinho único para este Pão. 😉 
Revista Neoo
Agora sim, com o Chapati pronto é hora de montar o seu lanche 😁

Nessa versão utilizaremos poucos ingredientes, mas que em sua essência, são muito saborosos e nutritivos. Anote aí 👍

Ingredientes:
Tomate Seco
Palmito - Presunto
Colhada Seca
Beirute no Chapati
Cebolinha Desidratada
Beirute no Chapati
Molho Tropical com Abacaxi e Manga
Beirute no Chapati
Para harmonizar:
Suco de Uva Bordo Integral
Beirute no Chapati
Nos utilitários:
Prato raso e grande de Cerâmica
Guardanapo de Pano, Porta Guardanapo e Sousplat
Beirute no Chapati
Comece então separando o Prato que além de sua beleza, deverá contrastar com o Pão e dar mais destaque na composição de todos os alimentos. 

Esse Prato por exemplo, faz parte de um estudo encomendado por um Sushi Bar ao 507 Atelier de Cerâmica de Jaraguá do Sul/SC. Um prato feito com argila terracota, finalizado com esmalte terroso e que traz em sua laterais, formas que nos remetem a cultura Grega. E como este Prato é grande, com cores acobreadas e raso, é o Prato perfeito para receber com grande classe o Chapati que acabou de ser feito.
Revista Neoo
Idealizado nos anos 90 pelo ceramista Rogério José Hreczuck Hagedorn e administrado por Loreno Luiz Zatelli Hagedorn, o Atelier nasceu com um propósito de ser um espaço livre para a criação das Artes Cerâmicas.

O local, que inclusive tem no nome o número do Atelier (Rua Venâncio da Silva Porto, 507), conta com 150m² e assim como os 4 elementos da Natureza e de todo trabalho cerâmico (Fogo, Terra, Água e Ar), também é dividido em 4 partes, sendo uma sala de atividades, uma de exposições, uma biblioteca (com cerca de 5.000 livros e mais de 10.000 revistas) e uma sala de fornos.

Então se você é fã de arte e está passando por Santa Catarina, não deixe de conhecer o Atelier, pois sempre estão acontecendo oficinas, exposições e workshop... Além também de poder tomar um café com esses dois artistas que nos mostram tamanha beleza em sua arte.
Revista Neoo
E se você é ou pretende ser um Ceramista, quer desenvolver bijuterias, botões cerâmicos, peças de uso utilitário, cerâmica decorativa ou até mesmo cerâmica artística, saiba que no 507 Atelier de Cerâmica você poderá aprender desde o básico até as grandes técnicas (como o Raku por exemplo) para ampliar seu conhecimento.

Esse literalmente é um prato que nos encantou e que vocês o verão em diversas outras receitas por aqui 😉

E agora que o Chapati já está posicionado no centro do prato, o próximo passo é dar a base para o seu Lanche, que tradicionalmente sempre é feito com um tipo de creme, molho ou pasta.

Quem nasceu ou viveu em um Sítio ou Fazenda, sabe que um dos alimentos que sempre estão na mesa é a Coalhada, a Manteiga e o Queijo. Derivados do leite, esses alimentos são riquíssimos em nutrientes e só fazem bem para a saúde.

Diferente, mas não tão distante da Coalhada Fresca, a Coalhada Seca é uma boa pedida para ser incrementada em diversas receitas, por isso trouxemos essa dica (que também tem uma pegada Árabe) para ser um dos grandes destaques desse Beirute. O que tem tudo a ver, não é verdade?
Revista Neoo
Essa pasta exótica em relação a sabor, sem conservantes, que pode ser consumida por intolerantes a lactose e que felizmente é muito acessível, é produzida pela Produtos Borá de Tejupá/SP, uma marca que preza a origem do alimento que você come.

 Fundada em 2001 por Paulo Sérgio Teruel (veterinário) e Flávia Athié Teruel (especialista em Gado de Leite), a Borá tem como diferencial fabricar uma coalhada no ponto ideal de acidez, com uma ótima consistência e utilizando somente dois ingredientes: Leite e Fermento.

Flávia nos conta que quando se casaram, ela gerenciava a Fazenda do Pai, onde a Avó e a Tia Avó, estavam sempre na fazenda passando uns dias. "Meu marido se impressionava com a boa saúde das duas... com 99 e 92 anos. Perguntando a elas o segredo da boa saúde, elas responderam que era alimentação. Um dia ele veio me dizer que tinha reparado que não era só alimentação, mas sim a coalhada que elas colocavam junto com todas as refeições, desde o café da manhã até o jantar. Ele pediu para minha Tia Avó ensiná-lo e começou a fazer e vender para os amigos perguntando se comprariam em lojas esse produto. Aí eu comecei a procurar os meios para registrar o produto e iniciamos um laticínio artesanal na fazenda, onde produzimos hoje coalhadas fresca e seca, doce de leite, queijo árabe."
Revista Neoo
Outro detalhe bem legal sobre essa Coalhada é que o nome da marca (Borá), veio do próprio nome da Fazenda onde situa-se a produção (Fazenda Borá), que inclusive, foi dado pelo Pai de Flávia há 70 anos atrás quando comprou o local. Na medida em que ia abrindo terras, ele se deparava muito com abelhas de espécie Borá... Dai veio a homenagem a essas abelhas.
Revista Neoo
Após dar a base do seu Lanche, vamos trazer um pouco mais de sabor e aroma inserindo um pouco de Cebolinha desidratada sobre toda a superfície da Coalhada Seca.
Revista Neoo
Temperos e especiarias são fundamentais em qualquer prato, e como já dissemos na receita de Fettuccine de Cacau ao Molho de Amendoim, a Cebolinha Desidratada da MasterChef Brasil dispensa comentários e vai bem em diversas situações, assim como na fusão de sabor nesse Lanche com a Coalhada Seca.
Revista NeooApós inserir a Cebolinha Desidratada, no terceiro passo iremos incluir o Presunto já previamente cortado em tiras. Assim seu lanche ficara mais fofinho e perfeito para receber os demais ingredientes.
Revista Neoo
Sobre o Presunto, acomode os Palmitos em cubinhos.
Revista Neoo
Revista Neoo
Esse Lanche está com uma cara boa, fala a verdade?
Revista Neoo
E por falar em cara, que tal trazer para esse Lanche algo lúdico e divertido como Olhos e Boca?
Nós brincamos aqui e representamos uma cara de "espanto" com Tomates Secos rsrs, ingredientes dos quais trouxeram além de cor, textura e sabor!

3 rodelinhas... Perfeito 😲
Revista Neoo
Finalize com mais um disco de Chapati e seu Lanche está prontinho pra servir!
Revista Neoo
Se no Lanche Frio e Natural indicamos um suco de Café Orfeu com Laranja, no Lanche Vegetariano um Chá Ammadeo Gelado de Hortelã com Abacaxi e no Lanche Vegano um suco de Laranja com Morango... Para o Beirute no Chapati, sirva-se de Suco de Uva da Nonna Frigotto , que de longe é um dos sucos de Uva mais espesso, consistente, intenso e saboroso que você irá provar aqui no Brasil. Um suco que combina super bem com esse Lanche e que traz em sua essência a energia de um produto feito de forma artesanal.
Beirute no Chapati
Sendo também livre de conservantes, somente com Uvas Bordo, 100% integral e também com a pegada dos melhores produtos feitos na roça, esse Suco é uma ótima opção para ser consumido por toda a vida. E fala a verdade, qual refeição ou ocasião não cai bem um suco de Uva?

Nonna Frigotto apesar de ser uma marca nova (pois está no mercado desde 2018), carrega em sua bagagem um grande conhecimento sobre o universo das Uvas, o que inclui as Geleias além dos Sucos. Sua fundadora, Adriana Frigotto, cresceu em meio à Natureza na pequena cidade de Mariópolis/PR (região colonizada por famílias vindas do Rio Grande do Sul que em sua maioria são descendentes de Italianos) e com sua família, aprendeu o oficio de encantar o paladar das pessoas com os alimentos que faz.

Adriana nos contou um pouco da sua história e da origem desde Suco; "Desde crianças fomos ensinados a ajudar. Íamos para a lavoura e acompanhávamos todo o ciclo: semear, germinar, crescer, florescer, frutificar, amadurecer e colher. E nesta fase, no caso das frutas, a mágica acontecia. Lembro de meu nono e das nonas, mãe e tias fazendo e nos ensinando receitas de geleias e sucos. Tudo tinha que estar perfeito, porque no caso da minha família, além do consumo próprio, parte da produção é para venda, principalmente na festa da uva que acontece todo mês de janeiro e movimenta toda cidade."
Beirute no Chapati
Com o apoio dos pais, Antônio e Cândida, há 14 anos Adriana se fixou em Curitiba/PR, criou a Nonna Frigotto Produtos Artesanais como uma segunda opção de renda e para homenagear suas Nonas e Mãe, batizou a marca com o sobrenome da família.

Então se com essa bagagem de conhecimento e com apenas um ano e pouco atuando no mercado Adriana já nos traz esse delicioso produto... Imagine o que ainda virá pela frente!!!
Beirute no Chapati
E agora que você já serviu o suco, para ficar ainda melhor, corte seu Lanche ao meio e insira a master composição final... Um Molho Tropical feito de Abacaxi e Manga, que fará você trocar facilmente os molhos que são servidos com Lanhes por aí.
Beirute no Chapati
Sim, de tão saboroso você irá querer usá-lo em tudo o que for comer. Feito a base de Abacaxi e Manga, seu sabor é muito equilibrado, levemente apimentado e ainda traz em sua textura os fios da própria Manga, detalhe que para nós ficou bem evidente e na medida certa.

Também elaborado pelos Chefs da MasterChef Brasil, na composição deste molho ainda tem cebola, gengibre, açúcar, vinagre, curry e sal. Ele faz parte da rede de especiarias e molhos que a Masterchef criou para facilitar o seu dia a dia e aperfeiçoar ainda mais as suas refeições.
Beirute no Chapati
Todos nós sabemos que com o sucesso do programa na TV, era fato de que mais hora ou menos hora, eles iriam criar algo prático, pronto para o consumo e com toques de Chefs... Mas o que nós não esperávamos era que seria um produto muito versátil e o melhor, digno das melhores notas.
Beirute no Chapati
Sendo um produto sem glúten, sem gordura, livre de aromatizantes e sem conservantes artificiais, esse literalmente é um molho para você ter sempre em casa e impressionar sua família e amigos com o lado Chef que existe dentro de você.

Por isso, neste momento passe um pouco desse Molho Tropical no seu Beirute no Chapati e Voilá!!!
A magia está feita... Delicie-se!!!
Beirute no Chapati
Como deu para perceber, esse Lanche que leva poucos ingredientes é super indicado para qualquer hora e você ainda poderá criar diversas outras combinações. Aqui o intuito é soltar a imaginação, absorver as dicas e usar e abusar da sua criatividade.

Esperamos que tenha gostado desse Lanche assim como nós, que além de prático, irá te surpreender.

Faça em sua casa e viva esta experiência!
Até a próxima receita!
Revista Neoo
E fique de Olho,
por esses dias será a vez do Lanche nº 5, 
uma outra opção para você tranquilamente fazer uma refeição.

Participação especial:
Redirecionamento para "Instagram" ao clicar nas imagens.
Revista NeooRevista Neoo
Revista NeooRevista Neoo

Revista Nós e outros Olhos
Redação: Ari Viloê
Créditos de Conteúdo e Fotos: Revista Neoo

Cenário:
Tábua de Madeira - Canto Quieto
Tigela de Cerâmica - Tauá Cerâmica
Sousplat - Pinta e Borda Ateliê
Guardanapo - Chame à Mesa
Porta Guardanapo - Mimika Tableware
Pires de Cerâmica - Cerâmica Re Amaral

Citações:
MasterChef Brasil
Café Orfeu
Chá Ammadeo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário

Post Top Ad

Visite nosso Instagram ;)