Post Top Ad

A Fantástica harmonização entre Cervejas, Queijos e Molhos

Queijos especiais nas festividades de final de ano pode? Pooode!
E Molho para acompanhar, pode também? Pooode!
E aquela Cerveja Artesanal para fechar o "Power Trio"?... Putz, nem me fale... É claro que pode !!!!

Então bota aquele som esperto para receber seus convidados e aprecie conosco a Fantástica harmonização entre Cervejas, Queijos e Molhos da Revista Neoo... yeahhhh !!!
Depois da bombástica lista das "12 Cervejas Artesanais que você deve tomar em 2018", criamos diversas harmonizações aqui na Revista Neoo para você, que é amante das ótimas Cervejas Artesanais brasileiras, recriar em sua casa com grande satisfação e prazer. 

A partir disso, recebemos diversas sugestões de harmonizações e receitas utilizando essa bebida como base, dentre todas, uma que nos chamou muito a atenção foi... "Porque vocês não fazem uma harmonização com Queijos?", comenta um leitor.

Gente... Isso é fantástico... Não só adoramos como compramos a ideia na hora!

E para diversificar um pouco mais e dar o nosso toque criativo, elaboramos 3 estilos únicos e abrasileirados de harmonizações, tudo para que você tenha em mãos ótimas ideias para impactar na recepção dos seus amigos e familiares... Ohhh coisa boa ;)

São 3 Cervejas Artesanais de estilos diferentes!
São 3 Molhos únicos, estilosos e com muito sabor!
E é claro... São 3 Queijos premiados das melhores regiões produtoras do Brasil!

Cada Cerveja foi harmonizada com um Queijo e um Molho diferente, uma fusão de sabores e fala sério... Essa conta de 3x3 é literalmente a Cozinha Cósmica onde até Pitágoras gostaria de estar, rs.

Bóra lá !!!

As Cervejas Artesanais
As 3 Cervejas que iremos apresentar são de diferentes estados brasileiros. Cada uma traz em si a cultura do seu local e a essência do que está sendo produzido hoje em dia. 

Cervejaria SteinHaus
Estilo: German Pilsen
Iniciamos nossa lista de estilos com a Cerveja Orgânica German Pilsen da Cervejaria SteinHaus (primeira Cervejaria Orgânica do Brasil) da Picada do Café/RS. Esse é um estilo que deve sempre estar presente nas festividades e nos dias mais quentes, ainda mais agora que acabou de entrar o Verão, é uma ótima pedida.

Somos suspeitos para falar sobre a SteinHaus, pois para nós, eles detêm o título da melhor IPA Orgânica do Brasil, além de terem um enorme cuidado com os alimentos que produzem. Tiramos nosso chapéu para os idealizadores da Cervejaria: Ricardo Fritcsh e toda a trupe da Cooperativa Coopernatural.

Cervejaria AlphaBier
Estilo: Belgian Blond Ale
O segundo estilo de Cerveja que iremos harmonizar foi medalha de prata no Word Beer Awards 2017 (Etapa Brasil) classificando-a entre as 24 melhores Belgian Blond Ale do mundo. Desenvolvida pela Cervejaria AlphaBier de Alphaville/SP, essa Cerveja trouxe para essa harmonização um sabor único, intenso e especial... Sem falar que seu rótulo e sua taça são demais :)

Idealizada por Felippe Machado, o conceito dessa Cerveja é trazer ao consumidor um produto com aquele gosto caseiro, mas com toda a tecnologia que hoje em dia podemos ter. 

Cervejaria Andar de Cima
Estilo: Black IPA
Se você ama IPA (Cerveja estilo Índia Pale Ale) com certeza irá gostar da Black IPA da Cervejaria Andar de Cima do Rio de Janeiro/RJ, uma Cerveja forte como tem de ser e escura pelo próprio nome que leva.

Feita pelas mentes abertas de Luiz Dias, Raphael Machado, Maurício Grille e Alessandra Magalhães, essa cerveja que além de encorpada e recheada de lúpulos, criou na harmonização a expressão; "Meu, como isso combina!!!". Definitivamente tornou esse momento digno de ser repetido várias e várias vezes, rs.

Os Queijos
Quando falamos em alimentos, para nós aqui na Neoo, o Queijo a base de "Leite Crú" com certeza é uma das 7 maravilhas do mundo... É bão demais e combina com tudo. E para esta harmonização reunimos 3 Queijos Especiais e super premiados Brasil afora... Confira !

Capela Velha
Região: Canastra
Representando a Serra da Canastra nesta harmonização, apresentamos o Queijo Canastra Tradicional da Fazenda Capela Velha de São Roque de Minas/MG, Queijo que em 2017 ganhou a medalha de prata no famoso concurso na França, o "Mondial Du Fromage".

Capela Velha é uma Queijaria Artesanal que está na terceira geração e que segue as tradições "Canastreiras" na arte de produzir queijo. Administrada por Guilherme Silva e o irmão Alexandre Silva, os Queijos Capela Velha vem se destacando no cenário de Queijos maturados no Brasil.

Catauá
Região: Mantiqueira (Campo das Vertentes)
Representando o Campo das Vertentes (5º região a ser reconhecida como produtora oficial do Queijo Minas), apresentamos o Queijo Alferes Catauá da Fazenda Coqueiro de Coronel Xavier Chaves/MG. Um Queijo de casca dourada que foi eleito com a medalha de ouro no tradicional concurso "III Prêmio Queijo Brasil".

O Queijo Alferes Catauá, que hoje em dia está sob a supervisão de Mariana Resende, é um Queijo com 0% de Lactose, com muitas possibilidades para ser usado em receitas, com um sabor intenso e que traz em sua presença a marca da Estrada Real.

Maria Nunes
Região: Serro
Representando a região do Serro (a região mais antiga produtora de Queijo em Minas Gerais), apresentamos o Queijo do Serro da Fazenda Maria Nunes de Santo Antônio do Itambé/MG. Um Queijo de leite cru, bem mofadinho e que foi eleito com a medalha de bronze no tradicional concurso "III Prêmio Queijo Brasil".

O Queijo do Serro traz em sua liderança a Christiane Brandão (5º geração) e sua filha Jady Brandão (6º geração). Ambas buscam fortalecer o empoderamento e protagonismo da mulher do campo e fortalecer o desenvolvimento rural sustentável. Esse é um marco de igualdade na história da Fazenda  e da região que só trouxe bons resultados.

A Base especial para os Queijos

Canto Quieto Artesanato Rústico
Tábuas para Queijos
Antes de falarmos dos Molhos que serão harmonizados, um detalhe muito importante em toda a recepção é a decoração e os utilitários essenciais de mesa, como por exemplo as tábuas para dar base aos seus Queijos especiais.

Convidamos para esse projeto o Flávio Mesquita da Canto Quieto Artesanato Rústico de São Carlos/SP, um grande artista na arte da madeira e que ama tudo o que faz. Flávio criou 3 peças, uma para cada Queijo de acordo com seu tamanho e um abridor especial de Garrafas que logo mais abaixo verá com grande exclusividade ;)


Os Molhos

Esse com certeza é o complemento ideal para acompanhar aquela cervejinha com queijim... É por isso que aqui apresentaremos 3 estilos de molhos para você arrepiar na harmonização.

Sítio Boca do Mato
Molho: Pequi Condimentado
Depois de ficarmos apaixonados com a Pasta de Pequi do Sítio Boca do Mato de Mambaí/Go na publicação "Alta performance na Cozinha", para essa harmonização tínhamos que trazer novamente o sabor autêntico do Cerrado com outro produto a base de Pequi... Nesta versão, o Molho de Pequi Condimentado.

Sob a administração de Iasminy Berquó e Sandro Raphael Borges, o Sítio Boca do Mato está há 5 anos difundindo esse sabor tradicional brasileiro, levando a todos os estados um produto pronto para o consumo e totalmente artesanal.

Revista Neoo
Molho: Chutney de Manga

Esse é o Molho xodó da Revista Neoo, o Chutney de Manga que feito exclusivamente pela nossa diretora Fabiana Martins, que com seu toque mágico, deixa a nossa área de gastronomia muito mais deliciosa <3

No início do projeto ele já era um dos molhos escolhidos para esta harmonização, o resultado final... Fantástico e sem palavras. A receita para recriar em sua casa você poderá conferir na publicação "Receita de Frango assado no Sal Grosso do Himalaia".

Taste&Co e Mbee
Molho: Mostarda e Mel
Aqui mora a fusão de dois sabores, o da Mostarda e do Mel... Mas não estamos falando de qualquer Mostarda e de qualquer Mel... Estamos falando da Mostarda em Grãos da Taste&Co e do Mel de Jataí da Mbee.

A Mostarda L'ancienne em grãos da Taste&Co está no mercado desde 2016 e é caracterizada pelas sementes inteiras da própria mostarda. Esse detalhe traz um notável sabor picante.

O Mel de Jataí da Mbee de São Paulo/SP, é um tipo de Mel famoso pelo amor à primeira vista, inclusive, ele foi a maior sensação na publicação "A tradicional Hora do Chá - Parte 1". Sua forma mais líquida e por incrível que pareça, um pouco menos doce do que os meles comuns, traz a esse Mel o título de Ouro Líquido para a nossa gastronomia.

A combinação desses dois foi fundamental para criar um molho muito especial de Mostarda e Mel :)

As Harmonizações
Agora com todas as apresentações feitas, bora combinar esses elementos sobre a mesa e iniciar a Fantástica harmonização entre Cervejas, Queijos e Molhos.

A sequência que vamos apresentar são dos sabores mais sutis aos mais intensos. Você tanto pode optar em realizar essa harmonização na sequência (incluindo os 3 cenários), ou até mesmo fazer apenas uma das harmonizações para uma determinada ocasião...

Voe nas asas da sua imaginação... Enjoy !!!

1º Cenário: A Sutileza no Paladar
Cerveja German Pilsen / Queijo Serra da Canastra / Molho de Pequi Condimentado
A primeira harmonização que fizemos foi com o queijo Canastra Tradicional Capela Velha, a Cerveja Orgânica German Pilsen da Cervejaria SteinHaus e o Molho Condimentado de Pequi do Sítio Boca do Mato. 
A Cerveja Pilsen Orgânica é a primeira na harmonização devido ao seu sabor e teor alcoólico mais suaves, 4,7%. Ela é bem leve, amarga no ponto certo e por ser orgânica, traz uma cremosidade e formação de espuma únicos para o gênero.

Essa Cerveja também pode ser considerada como um alimento Vegano, sendo uma ótima opção para os adeptos. Uma receita Vegana que podemos citar harmonizando com uma das Cervejas da SteinHaus, é a nossa versão de "Espaguete de Palmito ao Molho Pesto" com uma saborosa Witbier de Manga... hummm, bom hein!
O Queijo Canastra Tradicional é bem sequinho e levemente salgado, ele traz notas adocicadas e sabor marcante ao final, o que combina muito bem com a Cerveja Orgânica Pilsen, pois é um queijo bem furadinho, macio, leve e sedoso.
O Molho de Pequi Condimentado tem bastante tempero mas não em exagero, muito marcante e aromático. Na fusão ao paladar (junto com o Queijo), o primeiro gosto que marca na boca é do Pequi e aos poucos o adocicado do Queijo vai predominando criando uma saborosa combinação, ou seja, suavizou e contrastou perfeitamente.

Para a entrada de uma degustação são sabores ideais, pois mesmo o sabor do Pequi sendo forte, ele balanceado com a Cerveja Orgânica Pilsen e com o Queijo Canastra Tradicional, ficou ótimo. Pode ter certeza que com essa combinação suave e marcante, você e seus convidados poderão passar horas degustando essas maravilhas.

Som esperto para apreciar neste Cenário:
Cartola -  Preciso Me Encontrar

E se as Tábuas para Queijos já são um charme a parte, imagina completar esse conjunto com um abridor de garrafas com imã embutido na madeira... Esse toque fará com que todos queiram abrir suas Cervejas rsrs.
Flávio da Canto Quieto nos conta que faz seus produtos da mesma forma que os compraria, ou seja, com durabilidade e robustez. Esse detalhe se mostra em evidência nas suas peças, pois seu objetivo é que as pessoas também possam ter um produto artesanal com estilo, funcionalidade e personalizado (se você desejar).
Hoje com seus 52 anos, Flávio se dedica nas tradições da madeira, couro e ferro fundido, atividades que lhe possibilitam manter em contato com sua essência e de poder realizar um trabalho lúdico e artístico no dia a dia.

Cherss...

2: A Intensidade se Manifesta
Cerveja Belgian Blond Ale / Queijo Serra da Mantiqueira / Chutney de Manga
A segunda harmonização que fizemos foi com o Queijo Alferes Catauá, a Cerveja Belgian Blond Ale da Cervejaria AlphaBier e o Chutney de Manga da Revista Neoo.
A Cerveja Belgian Blond Ale faz parte da nossa segunda harmonização devido ao seu sabor mais adocicado e teor alcoólico um pouco mais elevado, 6,3%. É uma Cerveja com coloração mais acobreada, média formação de espuma e com notas de banana ao fundo, sem falar na cremosidade única que a Alphabier deu a ela neste estilo... Demais !!!

O Queijo Alferes é bem molhadinho e levemente salgado. É um Queijo alto, aromático, muuuito macio, traz notas amanteigadas e adocicadas e seu sabor é bem marcante ao final. Ele combinou muito bem com a Cerveja Belgian Blond Ale e juntos, nasceram um para o outro.

O Chutney de Manga, apesar de levar diversas especiarias na receita como a pimenta, não quebrou o sabor do Queijo e nem da Cerveja, pelo contrário, simplesmente realçou por demais todos os sabores.


Para a segunda fase de uma degustação, podemos dizer que aqui mora a intensidade do "Triangulo Amoroso" entre esses alimentos, pois vou te falar... Que demais que ficou essa combinação entre sabores agridoces e adocicados (rs)... Literalmente demais !!!

 Som esperto para apreciar neste Cenário:
Novos Baianos - Mistérios do Planeta

3: A União que traz a Força
Cerveja Black IPA / Queijo do Serro / Molho de Mostarda e Mel
A terceira harmonização que fizemos foi com o Queijo do Serro Maria Nunes, a Cerveja Black IPA da Cervejaria Andar de Cima e o Molho de Mostarda e Mel da fusão entre a Taste&Co e Mbee.
E para concluir com grande chave de outro essa saborosa harmonização, Cerveja Black IPA na medida certa. Aqui a força dos sabores toma conta de todo cenário com aquela paulada básica de lúpulos e aromas cítricos que só uma boa Black IPA tem. Seus 6,0% de teor alcoólico e sua ótima formação de espuma, garantem a essa bebida um destaque especial para as cervejas que passaram esse ano aqui na Revista Neoo.

Neste cenário, antes de falarmos sobre o Queijo, vamos preparar o Molho de Mostarda e Mel.

A receita é bem simples:
*Para cada colher de Mel, utilize duas da mesma medida de Mostarda... Fácil, fácil!!!


Esse Molho que criamos traz o poder do Ar (Mel) e da Terra (Mostarda). É um Molho forte, pois a Mostarda L'ancienne já tem um sabor intenso, mas com o Mel, essa força se suaviza e torna essa composição perfeita para ser um ótimo acompanhamento em outros pratos também.

E de todos os Queijos que aqui foram apresentados, o Queijo do Serro é o que tem o sabor mais acentuado. Ele é um queijo com uma capa bem durinha e com interior super macio, super indicado para harmonizar com a Black IPA e com o Molho de Mostarda e Mel que criamos.

Seu sabor é levemente adocicado, textura também amanteigada e com um fundo de salgado ao paladar. E na composição com o molho, que já é forte também, teve um sabor bem equilibrado devido ao adocicado do Mel. Isso sem falar daquele gole da Cerveja enquanto mastiga trazendo aquele amargor final único.

Olha... Uma harmonização que combinou bastante e que abriu a mente de muitos por aqui!

 Som esperto para apreciar neste Cenário:
Cilibrinas do Éden - E Você Ainda Duvida?

Muito massa tudo até aqui né... Inspirações a mil e que são atemporais.

Então resumindo queridos e queridas...
A Cozinha Cósmica agora está armada e todos já sabem o que fazer !

Na próxima vez que receber seus convidados, impressione-os com uma ou com essas três harmonizações. Aprecie produtos locais e conheça cada vez mais os belos alimentos que estão sendo feitos aqui no Brasil.

Esse time que apresentamos é literalmente um time campeão, então para fazer aquele golaço na gastronomia, realize a Fantástica harmonização entre Cervejas, Queijos e Molhos.

Vai ser Demais !!!!

Participação especial nesta Publicação:
(Redirecionamento para o Instagram ao clicar nas imagens)

        
 
    
Redação: Davi Oliveira
Créditos de Conteúdo e Fotos: Revista Neoo

No Cenário:
Quadros: Art In Quadros
Prato em Cerâmica 1º Cenário: Neila Brasil Cerâmica
Prato em Cerâmica 2º Cenário: Atelier de Cerâmica Célia Martins
Prato em Cerâmica 3º Cenário: Cerâmica Fátima Rosa
Tábuas Retangulares de Madeira: Cozinha & Coisinhas Denise
Guardanapos de Pano / Capa: Mesa Chiq

Menção:
Mundial Du Fromage
World Beers Awards
Prêmio Queijo Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário

Post Top Ad

Visite nosso Instagram