Post Top Ad

Receita Vegana Neoo: Espaguete de Palmito ao Molho Pesto

Olha que belo prato à sua frente!
Belo em todos os sentidos.

Quando olhamos, dá vontade de saborear.
Seu aroma faz nosso nariz levantar, buscando mais por seu perfume.
Quando provamos, nossa mente viaja para um lugar onde é Primavera.
E por fim, sentimos o aconchego que a vida nos proporciona num momento como este.

Além de todos os sentidos que este prato aguça, ele é Vegano, por isso tem um ingrediente muito especial, sua questão ideológica.

Para quem ainda não conhece, a alimentação Vegana é livre de ingredientes de origem animal, como por exemplo ovos e leites. Mas não se trata apenas de uma alimentação com essas características, mas sim de uma filosofia de vida onde não se usa nada que provém de um animal. E acreditem, é bastante coisa. Sua bolsa de couro, seu cosmético e muitos outros produtos podem ter algum elemento animal.

Ser Vegano é excluir a exploração e crueldade contra os animais a partir de si.
E quando você se depara com esta questão e quer adentrar à essa filosofia, começa a ver como uma simples escolha muda seu cotidiano.

Queremos incluir cada vez mais Receitas Veganas aqui na Revista Neoo, porque além do contexto ideológico, pratos frescos com frutas, ervas, especiarias, raízes, legumes, verduras, sementes e grãos é um Mundo Gastronômico à parte, com muitas delícias perfumadas para seu dia a dia.

Aqui na Revista, em nossa equipe, temos pessoas com diversos tipos de alimentação. Cada um com seu ponto de vista e buscamos antes de qualquer coisa, respeitar à todos.

Mas fica a dica para você que quer se tornar um Vegano:
Ao invés de excluir tudo que consome radicalmente, inicie incluindo o que mais vai passar a consumir, como por exemplo, comer este delicioso Espaguete de Palmito ao Molho Pesto um vez na semana. E assim você vai incluindo outros pratos... Depois irá começar a analisar outras coisas que usa no dia a dia... e quando se der por si, ser Vegano será natural.

Adoramos criar receitas ou fazer novas versões de um clássico e o Molho Pesto é um deles.

Assim como as famílias italianas tradicionais tem sua própria receita de Molho Pesto, nós também fizemos a nossa. E ficou excelente!... ao ponto da lembrança encher nossa boca d'água.

É bem simples de preparar.

Você vai precisar de:

Ingredientes:
7 grs aproximadamente ou 1/2 pote de Manjericão da Kampo de Ervas
250 ml de Azeite Extra Virgem Serra da Campanha 
1 vidro de Espaguete de Palmito em Conserva
200 grs de Castanha de Baru da Coomafab
1/2 Brócolis
Sal a gosto

Instrumentos:
Processador ou Pilão
Pano de Prato ou guardanapo de tecido

Rendimento:
4 porções

Você vai ficar boquiaberto como um prato tão bonito e delicioso é tão prático para fazer!

Lave o Brócolis e corte em pedaços médios. Coloque-os em água fervente (o suficiente para cobri-los). Inclua na água uma pitada de Sal, um fio de azeite e um pouquinho do Manjericão seco para dar um sabor. Deixe cozinhando por aproximadamente 20 minutos. Esse tempo será suficiente para que o Brócolis fique molinho.

Enquanto isso, vamos preparar as Castanhas de Baru

As Castanhas de Baru são extraídas do Baruzeiro, uma árvore nativa no Cerrado brasileiro que pode atingir até 25 metros.

Nós buscamos sempre valorizar os produtos nacionais, pois preciosidades como esta castanha precisa fazer parte do nosso cardápio.

A COOMAFAB - Cooperativa Mista dos Agricultores Familiares de Buritizinho e Região tem trabalhado para a melhoria de vida dos cooperados aproveitando as riquezas locais.
Em 2016 eles iniciaram o extrativismo ecológico da Castanha de Baru, que até então era ignorada.

As Castanha de Baru sempre fizeram parte da alimentação dos animais e de muitas pessoas da região e com esse trabalho da COOMAFAB, ela vem sido cada vez mais valorizada. Eles comercializam as Castanhas de Baru in natura e torrada e todo o processo de seleção, pesagem, torra, embalagem a vácuo e rotulagem é bem artesanal. E já estudam a possibilidade do aproveitamento total do fruto da Castanha, nas formas de farinhas, óleos e outros.

Nós experimentamos a Castanha de Baru com a casca e assim também é bem saborosa. Estamos estudando uma receita com a farinha dessa casca. Em breve, novidades!

É um alimento delicioso e muito saudável, rica em óleos essenciais como o ômega 6 e 9, minerais, ferro, zinco, fósforo, cálcio, magnésio, aminoácidos e proteínas.

A COOMAFAB foi fundada em 2009 por 20 agricultores e hoje conta com 180 cooperados. Atuam na região do entorno do Distrito de Buritizinho, no município de Orizona/GO, que abrange os municípios de Luziânia, Cristalina, Ipameri, Vianópolis e Pires do Rio.

Um trabalho lindo onde melhora a qualidade de vida de todos os cooperados e suas famílias.

Agora que você já conhece um pouco dessa preciosidade, vamos voltar ao trabalho! :)

A Castanha de Baru tem uma casca fina que a envolve e para o Molho Pesto precisamos descascá-las. Uma forma bem simples de fazer isso é envolver as Castanhas num pano de prato ou guardanapo de tecido e apertar enrolando o pano.

Quando você abrir o pano, grande parte das Castanhas de Baru já estarão descascadas. Vai tirando as Castanhas descascadas e repetindo o processo até todos ficarem sem cascas.

As cascas você pode triturar no liquidificador e guardar num pote para usar esta farinha num bolo por exemplo.

Agora com as Castanhas descascadas, elas vão para o processador ou para o pilão.

Escorra a água do Brócolis e junte no processador ou pilão.
O mesmo faça com o Manjericão da Kampo de Ervas
Adicione Sal a gosto e comece a triturá-los.

O Manjericão é super aromático e um ingrediente fundamental do Molho Pesto. Em praticamente todas as versões baseadas na receita tradicional de Molho Pesto que encontrar, o Manjericão estará fortemente presente.

O Manjericão tem um sabor muito marcante e por isso é importante usar o Manjericão seco no Molho Pesto, assim seu sabor tem grande presença mas de forma mais suave, harmonizando e equilibrando com os outros ingredientes.

Manjericão é uma erva com sabor e perfume muito característico, que além de ficar ótimo em diversos pratos, oferece muitos benefícios à saúde, pois ajuda no tratamento para resfriados, alivia a tosse, fortalece o sistema imunológico, auxilia no combate ao estresse, melhora a visão, faz bem para a pele, melhora a saúde bucal, protege os rins e o coração, ajuda na digestão, alivia dores de cabeça e musculares e também melhora as funções cerebrais. É por isso que ele tem que fazer parte dos nossos temperos.

Nós usamos o Manjericão Orgânico da Kampo de Ervas, um produto que conhecemos a qualidade.

Temos que sempre buscar consumir produtos orgânicos para recebermos os benefícios reais do alimento em nosso organismo. O produto orgânico tem todo um procedimento cuidadoso desde seu cultivo até a confecção final do produto e isso reflete diretamente em nossa saúde ao longo dos anos.

Consumir produtos orgânicos é um cuidado efetivo para ter um corpo saudável e por isso nossa indicação é a Kampo de Ervas de Ribeirão Preto/SP, que possui sua produção agrícola e industrial certificada pela ECOCERT, oferecendo produtos com o selo Orgânicos Brasil.

A Kampo de Ervas possui uma grande variedade de produtos de qualidade e com uma ideologia de trabalho que sentimos muito orgulho de tê-los como parceiro. Além de fornecerem produtos saudáveis, podemos afirmar que são frutos de muito amor e dedicação à atividade.

Já desenvolvemos muitas receitas saborosas com os produtos Kampo de Ervas, entre elas a Maionese de Azeite que é um sucesso e até uma dica maravilhosa de Café da Manhã na Cama com a opção de Chá Verde.

Existe um mundo de temperos e especiarias que é importante explorar. Cada pitada transforma o sabor do seu prato, enriquecendo-o no gosto, no visual, no aroma.

Se você precisa de familiaridade para usar um novo ingrediente, nossas receitas são exatamente para te auxiliar a explorar esse Universo. Você replica nossas receitas e sente o ingrediente que estamos indicando, no caso aqui, o Manjericão.

Gostamos muito de falar da peculiaridade de cada item para te informar exatamente o que está consumindo.

Agora, dando continuidade à nossa Receita, vamos acrescentar o Azeite Extravirgem Serra da Campanha no Processador ou Pilão. Ao bater ou macerar, é ele que vai dar a liga do Molho Pesto.
Comece o processo e vai perceber quando está bom pelo tamanho que vai ficar a Castanha de Baru.

Eu bato no Processador por aproximadamente 3 minutos porque gosto dos pedaços das Castanhas relativamente grandes.

Acrescente em torno de 200 ml de Azeite Extravirgem Serra da Campanha e reserve o restante.

Cada ingrediente tem sua importância e num Molho Pesto a escolha do Azeite é fundamental para um ótimo resultado.

Reparem neste bico dosador! É perfeito para você usar a quantidade que desejar. Nem mais, nem menos, porque com um bico desse, quem escolhe a quantidade de Azeite que vai usar é você!

O Brasil está em grande expansão em produzir e ofertar produtos de excelente qualidade, como este Azeite Extravirgem da Serra da Campanha descrito como Arbequina e Arbosana, que são duas variedades espanholas que resultam num divino azeite flexível, tando para pratos intensos como pratos de sabores sutis.

Para o Molho Pesto é um Azeite perfeito, já que se trata de uma receita fresca e com sabores intensos.

Inclusive, a criação desta receita teve o Azeite Extravirgem Serra da Campanha como inspiração. Queríamos que fosse uma receita que nos "transportasse" para a Natureza através dos sentidos... E conseguimos!!! O resultado da apresentação, aromas e sabores foi além do esperado, surpreendendo à todos que degustaram em diversos momentos, desde a hora que viram o prato até a última garfada.

A Serra da Campanha nasceu há 9 anos entorno do município da Campanha/MG, quando encontraram o lugar perfeito para iniciar a sua produção, plantando as primeiras mudas, onde a altitude (1300m), clima, amplitude térmica, solo e pessoas foram levados em consideração. Todos essas características resultam na produção de um Azeite de excelente qualidade. Só para terem uma ideia, a seleção dos frutos são feitos de forma manual, um processo que protege a planta e que também garante a qualidade do Azeite.

Uma informação muito bacana que tivemos da Serra da Campanha é que o Azeite deve ser consumido o mais fresco possível, como um suco de fruta. E a boa notícia que esse é um produto Brasileiro e temos acesso para consumi-lo bem jovem.

Voltando a nossa Receita... Depois que bater os ingredientes no processador ou macerar no pilão, junto o restante do Azeite Serra da Campanha, e misture levemente com uma colher, exatamente para o Azeite ficar dançando entre o molho.
Um close para você ver a textura do nosso Molho Pesto.

Agora com o Molho pronto, vamos arrumar a messa porque depois é só montar o prato.

Escolhemos um conjunto de mesa posta do Ateliê Pinta e Borda de Belo Horizonte/MG, que tem cores suaves e estampa de plantas.

E para servir essa incrível refeição, Pratos da Cerâmica de Casa confeccionados pela Ceramista Sibeli Martinez que tem como inspiração as infinitas possibilidades de criação que a cerâmica proporciona, mas também sempre pensa na funcionalidade da peça. E assim como esses pratos, desenvolve peças maravilhosas para você servir em qualquer ocasião.

Todas as peças são desenvolvidas no próprio ateliê Cerâmica de Casa que fica em São Paulo/SP, mas pela loja virtual você pode conferir todas as peças e de qualquer lugar do Brasil adquiri-las.

São peças que além de lindas, valorizam nossas refeições. Sibele sugere o uso das peças diariamente para aproveitarmos desses benefícios todas as vezes que formos nos alimentar. Foi desse conceito que veio o nome Cerâmica de Casa, onde cada peça desenvolvida tem a função de servir.

E de servir muito bem!

É um prato que você pode utilizar para servir tanto massas como risotos. E essa cor é bem flexível para você usar com diversos estilos de mesa posta. Dá para usar e abusar, sem moderação! rs

Agora com tudo pronto, vamos montar o prato.

A primeira coisa a fazer é escorrer o Espaguete de Palmito para sair toda a água da Conserva. Esse é um detalhe muito importante porque o Espaguete de Palmito tem que estar bem enxuto, mas fique tranquilo(a) porque uns 5 minutos escorrendo é o suficiente para ele ficar da forma ideal para a montagem no prato.

Enquanto o Espaguete de Palmito escorre, coloque no fundo do prato uma quantidade generosa do Molho Pesto.

Com um garfo grande, enrole o Espaguete de Palmito e deposite no prato.

Finalize com um pouco de Molho Pesto e um pequeno ramo de Manjericão Fresco, dando um charme todo especial no prato.

Dá água na boca só de olhar!

E para acompanhar escolhemos uma Cerveja muito especial, a Witbier de Manga da Cervejaria SteinHaus.

A harmonização foi divina!

Além dos aromas e sabores se complementarem perfeitamente, ficamos muito felizes com a participação da Cervejaria SteinHaus, já que se trata de uma cerveja orgânica.

A Witbier de Manga da Cervejaria SteinHaus é uma cerveja que tem um sabor suave mas que persiste no paladar. A característica do seu perfume e sabor de manga mostra a riqueza desta bebida brasileira refrescante e levemente doce, sendo uma das melhores Witbier´s que já bebi.

A manga utilizada nesta Cerveja é a "Espada" e vem do Nordeste do Brasil de uma Cooperativa da Agricultura Familiar.

A SteinHaus não utiliza nenhum tipo de produto de origem animal, pois não são a favor da exploração e de crueldades com animais.

É uma cerveja que é bem flexível para harmonizar com diversos tipos de pratos, mas com esse em especial foi um encaixe perfeito, onde só provando você viverá esta experiência.

A SteinHaus é a primeira Cervejaria Orgânica do Brasil e além desse cuidado para preparar suas cervejas, eles atuam com alma, levando em consideração todos os envolvidos. É um trabalho lindo que você pode conferir clicando aqui para conhecer os detalhes numa matéria exclusiva com outros rótulos (IPA, Doppel Weizenbier e RauchBier Weizen).

Uma história muito bacana que o Ricardo Fritsch (responsável pela cervejaria) compartilhou conosco, é que a Witbier esteve presente numa época em que a diversidade em cervejas era grande na Europa, apresentando características regionais, antes da popularização da Pilsen e Pale Ale.

Desenvolvida em Monastérios ao leste de Bruxelas desde o século XIV, esse estilo sofreu declínio em sua produção devido à crescente globalização, chegando a ser quase extinta em 1960. O estilo foi resgatado graças à Pierre Celis, cervejeiro belga que abriu sua primeira cervejaria em 1966 para reviver o estilo de cerveja de sua cidade natal, Hoegaarden.

Ufa!!! Ainda bem!
Agora podemos saborear esta Witbier maravilhosa com uma receita original e bem brasileira.

Um brinde à essa harmonização que é de "tirar o chapéu"!

Como podem ver, é bem simples de preparar esta refeição, mas garanto que será uma vivência inesquecível.

Estamos orgulhosos da nossa Receita de Molho Pesto e da harmonização.

E independente do tipo da sua alimentação, tenho certeza que será um enorme prazer provar essa delícia. Uma refeição bem brasileira, elegante e surpreendente, que uma vez provada, fará sempre parte do seu cardápio.

Participação excepcional nesta Receita Vegana:
(Redirecionamento para page do Facebook ao clicar nas imagens)


 
 

Redação: Fabiana Martins
Créditos de Conteúdo e Fotos: Revista Neoo

Créditos a menção especial:
ECOCERT
Pierre Celis

No Cenário:
Processador Philco
Mesa Posta Ateliê Pinta e Borda
Quadro Decorativo Art in Quadros
Guardanapo para Castanha Cozinha & Coisinhas Denise

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário

Post Top Ad

Visite nosso Instagram