Post Top Ad

Michel Foucault: obra de um homem em transformação é tema de filme inédito

“Escrever é se transformar, é se desprender de si mesmo, renunciar a si mesmo. Se eu já soubesse aonde estava indo, eu não escreveria”: tais palavras, ditas por Michel Foucault, resumem o desenvolvimento de sua própria obra. Essas transformações parecem fazer parte de sua escrita filosófica, que lançou um olhar investigativo sobre mecanismos de coerção e de punição da sociedade, sobre a loucura, a sexualidade e outros assuntos. Para esclarecer os meandros de um pensamento plural, o documentário “Foucault Contra Ele Mesmo”, que estreia no Curta!, se debruça nos livros desse grande filósofo do século XX.
O filme mostra como as reflexões de Foucault sobre temas relacionados a poder, controle social e as funções dos intelectuais na sociedade vão mudando de acordo com o momento e a perspectiva adotada por ele. Seus pensamentos, em muitos momentos, são conflitantes entre si, mas também configuram uma espécie de diálogo entre ideias, como se Foucault estivesse sempre buscando um caminho alternativo ao que ele já havia traçado, nunca consolidando uma visão definitiva sobre seus objetos de estudo — e sobre si mesmo.
Michel Foucault em imagem de arquivo exibida no filme “Foucault Contra Ele Mesmo”
Através de um rico acervo de fotos e vídeos, o documentário mostra Foucault ora como ativista político, ora como filósofo; em paralelo, Geoffroy de Lagasnerie, Arlette Farge, Didier Eribon, Georges Didi-Huberman e Leo Bersani — todos estudiosos da obra foucaultiana — analisam livros, como “Vigiar e Punir” e “A Vontade de Saber”, e comentam passagens de trajetória de Foucault desde a juventude até a sua morte, em 1984.

“Foucault Contra Ele Mesmo”, dirigido por François Caillat, é uma produção da The Factory, Arte France e INA, que chega ao Brasil com exclusividade através do Grupo Curta! A estreia no canal Curta! é na Quinta do Pensamento, 19 de agosto, às 23h.

Sobre o Curta!
 O canal Curta! é um dos novos canais brasileiros da TV paga que mais aprovou projetos para financiamento pelo Fundo Setorial do audiovisual. Até agora foram financiados, para estreia no CURTA!, mais de 120 longas documentais e 800 episódios de 60 séries, atendendo à grade temática do canal: música, artes cênicas, metacinema, pensamento em humanidades, história política e sociedade.

Crédito de Conteúdo e Imagem: Canal Curta!

Revista Nós e outros Olhos
A Revista Nós e outros Olhos apoia a Cultura e incentiva ações como esta!
Propague a cultura você também... Isso só faz o bem!   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário

Post Top Ad

Acesse o nosso Instagram