Post Top Ad

outubro 05, 2022

Crianças podem tomar Café?

por , em

Quando um Café especial é feito em casa, todos sabem que um perfume maravilhoso e delicioso abraça o ambiente. E depois de pronto, quem bebe sempre sorri segurando sua xícara preferida. Às vezes, todos se reúnem em torno da bebida fresca e claro, até mesmo as crianças que não são tão habituadas ao Café, também querem fazer parte de uma ocasião rotineira tão gostosa como esta.

Então para você que tem criança em casa e vê que ela quer experimentar um gole desta rica bebida, saiba que tudo tem o seu momento certo, por isso, temos algumas dicas para te passar, afinal de contas, a cafeína atua diretamente no sistema nervoso central, então os benefícios que a bebida traz para um adulto (como o seu lado estimulante) pode causar prejuízos em um bebê (que ainda tem seu sistema neural imaturo).

Dica 1
Somente após os 2 anos de idade é que podemos introduzir (de forma singela) o consumo do Café na alimentação. Nesta fase, não se pode ultrapassar o consumo de 1/2 xícara. E mesmo assim, o mais apropriado é iniciar misturando com leite, que aliás, é uma delícia!

Dica 2
A partir os 6 anos de idade a criança já pode tomar seu cafezinho com mais liberdade, mas sem exagerar no consumo, sendo o ideal tomar no máximo 1 xícara por dia.

Dica 3
Outra coisa importante é que os melhores períodos para as crianças tomarem Café é de manhã ou à tarde, assim vão se adaptando a bebida de uma forma mais harmoniosa e saudável.
Com qual idade as crianças podem tomar café?
E aí, gostou dessas dicas? Então conte pra gente aí nos comentários o que achou, se já deu café para os seus filhos e qual foi a reação deles em relação ao sabor. Estamos super curiosos para saber! 😁

Até a próxima xícara de Café! :)

 Revista Nós e outros Olhos

Artigo e Fotografia: Revista Nós e outros Olhos
"A Revista Nós e outros Olhos apoia o bom comportamento, o bem-estar e a boa saúde.
Propague informações como esta... Isso só faz o bem!"
setembro 14, 2022

Nouvelle Vague: Movimento que lançou o cineasta Godard é tema de filme

por , em

Em homenagem ao diretor Jean-Luc Godard, falecido nesta terça-feira, 13 de setembro, o Curta! e o Curta!On apresentam o documentário  “Nouvelle Vague: A Grande Onda do Cinema”. O filme conta a história do movimento artístico que nasceu na França e marcou o cinema mundial, sobretudo durante as décadas de 1950 e 1960, por seu caráter contestatório e revolucionário.

Desse grupo, saíram grandes nomes da sétima arte, entre eles o próprio Godard. “O cinema francês era, definitivamente, um regime de inquisição, de celas e compartimentos nos quais havia tabus e leis. Queríamos mostrar que tudo isso era inútil”, conta o cineasta em um registro incluído no documentário.

Nouvelle Vague: Movimento que lançou o cineasta Godard é tema de filme

Além dele, diretores como François Truffaut e Agnes Varda são assunto do documentário “Nouvelle Vague: A Grande Onda do Cinema”, uma coprodução da Arte France e da INA. No Curta!, será exibido neste sábado, 17 de setembro, às 21h. No Curta!On – Clube de Documentários, o filme pode ser assistido a qualquer momento; basta acessar a ClaroTV+ ou o site CurtaOn.com.br.


Trechos de filmes da época contam a história da Nouvelle Vague, como “Os Primos”, de Claude Chabrol, “Os Incompreendidos”, de Truffaut, e “La Pointe Courte”, de Agnés Varda. As cenas são mescladas com um impressionante acervo de entrevistas com diretores como Godard, Truffaut, Chabrol e Varda.

Nouvelle Vague: A Grande Onda do Cinema

 Outros profissionais que se envolveram com o movimento também aparecem em entrevistas, entre eles o arquivista Henri Langlois, cofundador da Cinemateca Francesa, e o cinegrafista e diretor de fotografia Raoul Coutard. Atores como Jean-Paul Belmondo, Brigitte Bardot e Gina Lollobrigida estão entre os que aparecem no longa.

A Nouvelle Vague daria espaço para jovens cineastas, muitas vezes iniciantes nesse ofício, dispostos a quebrar padrões e, ao mesmo tempo, enfatizar novos valores trazidos por aquela geração. As produções acabaram por refletir o contexto de efervescência cultural e política vivido em diversas partes do mundo.

Por apresentar filmes e entrevistas realizados sobretudo em meados do século XX, “Nouvelle Vague: A Grande Onda do Cinema”, dirigido por Florence Platarets, é composto em quase sua totalidade por imagens em preto e branco. Porém, o documentário, em seus momentos finais, exibe cenas coloridas como as de “Uma Mulher é uma Mulher”, de Godard, e “A Princesa de Cleves”, de Jean Delannoy, acompanhando a passagem do tempo e a evolução tecnológica do cinema.


Nouvelle Vague
A Grande Onda do Cinema

Foi durante os anos 1960 que se deu o nascimento e a ascensão da Nouvelle Vague francesa. Caracterizada como um movimento cinematográfico de vanguarda, liderado por diretores como Jean-Luc Godard e Agnès Varda, deu origem a atores icônicos como Brigitte Bardot e Jean-Paul Belmondo. A Nouvelle Vague produziu uma nova geração de cineastas, mas também novos corpos de atores, uma revolução técnica e estética, uma forma totalmente diferente de se produzir filmes. É, acima de tudo, uma ideia nova de cinema, mais próxima do romance ou da arte moderna do que do cinema comercial. Diretor: Florence Platarets. Duração: 52 min. Classificação: Livre.


Revista Nós e outros Olhos

A Revista Nós e outros Olhos apoia a Cultura e incentiva ações como esta!
Propague a cultura você também... Isso só faz o bem!

Crédito de Conteúdo e Imagem: Canal Curta
agosto 31, 2022

4 Dicas para um relacionamento saudável

por , em
Quando encontramos pessoas que exibem entre elas uma ótima relação, logo percebemos que ali existe uma afinidade verdadeira, ou melhor, uma ligação saudável de muito respeito e amor. A positividade que existe em pessoas assim é tão grande, que chega até a nos fazer sorrir.
Você até pode achar que isso é algo raro e que talvez nem consiga ter esse tipo de vivência. Mas acredite, para desfrutar desse tipo de relação, independente de ser uma relação afetiva, familiar, profissional ou de amizade, o desenvolvimento desta ligação irá acontecer a partir de como você se coloca nesta relação, ou seja, aqui tudo irá depender primeiramente de você.

Então, para você que deseja otimizar as suas conexões e que do fundo do coração deseja transmitir este bem-estar para as pessoas que mais ama, hoje indicamos 4 dicas bem legais para você pôr em prática e claro, para ser cada vez mais feliz! :)

Confira!

Naturalidade
Seja natural, ou seja, seja você mesmo! Este é um dos pontos fundamentais para que a relação seja saudável, afinal de contas, ninguém conseguirá ser verdadeiramente feliz se tiver que atuar todas as vezes que estiver com alguém.

Confiança
Ser confiável e confiar é um dos alicerces de qualquer relacionamento, portanto seja sempre verdadeiro(a). Agindo assim, estará fazendo a sua parte. E quem estiver ao seu lado, tenderá a fazer o mesmo, caso contrário, perceberá rapidamente que a pessoa ao seu lado não está disposto a ter esse tipo de relacionamento e assim, cada um mostrará que buscam vivências diferentes.

Interação
Faça parte da vida do outro e deixe que façam parte da sua vida! Essa troca de experiências enriquecem as conexões e deixam tudo mais interessante. É assim que os círculos de amizades crescem, que aprendemos e que descobrimos muitas coisas, ou seja, fazendo parte da vida de alguém.

Compreensão
Seja compreensivo sobre o que toca o coração do outro. Talvez uma determinada situação pode ser uma bobeira para você, mas pode ter uma importância grande para o outro. E esse respeito de que o outro pode ser diferente e mesmo assim amá-lo, só vai fortalecer o vínculo entre vocês.
Essas são dicas simples, práticas e que ao serem implementadas na sua rotina, trarão diversos benefícios para a sua vida. E além de fortificar as suas relações, estes também são comportamentos libertadores, pois aumentam o amor próprio e fazem o dia a dia ficar muito mais prazeroso.

Legal, né?
A vida é muito boa e pode ser muito melhor quando se está em boas companhias!

Revista Nós e outros Olhos

Artigo: Revista Nós e outros Olhos
Imagem: Divulgação

"A Revista Nós e outros Olhos apoia o amor, a amizade e o respeito entre as pessoas. 
Propague informações como esta... Isso só faz o bem!"

Post Top Ad

Acesse o nosso Instagram