Post Top Ad

‘O Cavaleiro da Rosa’, de Richard Strauss, é atração do Ópera na Tela 2021

Em sua sexta edição, entre 13 e 23 de novembro, o Festival Ópera na Tela projeta, pela primeira vez, a récita O Cavaleiro da Rosa (Der Rosenkavalier), de Richard Strauss. Encenada pela primeira em vez em 1911, no Königliches Opernhaus de Dresden, essa montagem em três atos da Ópera do Estado de Berlin tem direção do artista austríaco André Heller. O maestro é o consagrado Zubin Mehta.
Muito conhecida na Europa, mas pouco encenada nos palcos brasileiros, O Cavaleiro da Rosa é uma ópera cómica, com libreto de Hugo von Hofmannsthal e baseada no Les amours du chevalier de Faublas de Louvet de Couvray. É a quinta ópera escrita por Strauss e sua segunda parceria com o escritor e dramaturgo vienense Von Hofmannsthal.
Na história, o jovem Octavian aprende uma lição de vida e de sexualidade da Marechala, Princesa Werdenberg. Mas, só descobre a si mesmo e começa a entender os mistérios do coração feminino quando é encarregado por ela de uma nobre missão: levar uma rosa de prata à jovem Sophie, a noiva do Barão von Lerchenau. Amante da Marechala, Octavian acaba se apaixonando por Sophie e sendo correspondido.
Ópera o Cavaleiro da Rosa
No elenco, destacam-se as vozes femininas para três papéis principais: a soprano finlandesa Camilla Nylund, como Marechala; a soprano americana Nadine Sierra como Sophie e a mezzo-soprano canadense Michèle Losier interpretando o jovem Octavian. O baixo alemão Christof Fischesser é o Barão Ochs.
SOBRE O FESTIVAL
O Festival Ópera na Tela está de volta, após um ano de intervalo devido a pandemia. O Parque Lage (no Rio de Janeiro) recebe o evento entre os dias 13 e 24 de novembro na já tradicional tenda montada a céu aberto atrás do palacete criado por Henrique Lage para sua mulher, a cantora lírica Gabriela Besanzon. Será ali, na tela gigante e com som e imagem de alta qualidade, que serão projetadas 11 récitas europeias inéditas, uma Gala do Teatro Alla Scala de Milao com cantores consagrados e, pela primeira vez, um balé: O Corcunda de Notre Dame, da Ópera de Paris, com coreografia do consagrado coreógrafo e bailarino francês, Roland Petit, morto há dez anos.
Teatro em cena
O Festival Ópera na Tela tem produção da Bonfilm – responsável também pelo Festival Varilux de Cinema Francês – e patrocínio de Varilux, Persol, Engie, Sofitel, Servier. Os copatrocinadores são Air France, Edenred, MedRio, Naval Group,Total, Vallourec e Voltalia. O evento tem apoio institucional da Embaixada da França, da Aliança Francesa e do Consulado Alemão.

Revista Nós e outros Olhos
A Revista Nós e outros Olhos apoia a Cultura e incentiva ações como esta!
Propague a cultura você também... Isso só faz o bem!

Crédito de Conteúdo e Imagem: Agência Febre

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário

Post Top Ad

Acesse o nosso Instagram